Apresentação

Bem-vindo ao Programa de Pós-Graduação em Física (PPGFis) da UFES

  • A Linha de Pesquisa em Interações Fundamentais engloba as seguintes áreas, em ordem alfabética: astrofísica extragalática, cosmologia, física matemática, física de partículas, gravitação clássica e quântica e teorias clássica e quântica de campos.

    A Linha de Pesquisa em Interações Fundamentais é predominantemente teórica, e faz uso de resultados recentes de grandes experimentos, sejam os de altas energias ou de grandes escalas (astrofísica e cosmologia). Mais recentemente tem se integrado também a grandes experimentos, em particular o J-PAS.

    A pesquisa envolve domínio de vários aspectos de métodos matemáticos e métodos computacionais, sejam numéricos ou simbólicos, além de envolver diversos colaboradores externos.

  • Estuda as interações elétricas e magnéticas entre átomos e sua vizinhança de modo a compreender principalmente as propriedades estruturais, eletrônicas, magnéticas e de transportes de novos materiais massivos (governadas por contribuição de volume) e nanoestruturados [nanopartículas e filmes finos com tamanhos inferiores a 100 nanômetros (nm)]. Esta linha busca desenvolvimento de novos materiais com potenciais de aplicações tecnológicas (efeitos novos e conhecidos usados na construção de diversos dispositivos e equipamentos utilizados na vida cotidiana). No estudo/caracterização dos novos materiais metálicos, cerâmicos e carbonosos e seus respectivos híbridos, utilizam-se conhecimentos da Física, como as fornecidas pela Mecânica Quântica, Física Estatística, Mecânica Clássica e o Eletromagnetismo. Aplicam-se técnicas experimentais que possibilitam obter informações locais de um átomo sonda (ex: Espectroscopia Mössbauer do 57Fe e 119Sn e ressonância magnética nuclear) e técnicas com resposta massiva do material, em um amplo intervalo de temperatura (2-1000 K) para o entendimento das propriedades dos materiais e futuras modelagens, com cálculos de primeiros princípios baseado na Teoria do Funcional da Densidade. Nas últimas décadas, as pesquisas vêm se direcionando para o entendimento das propriedades estruturais, magnéticas e de transportes de filmes preparados por Sputtering e nanopartículas (imersas ou não em matrizes, por exemplo, carvão ativado) preparadas por moagem em altas energias ou processo químicos. Portanto, esta linha de pesquisa lida com a produção e caracterização de materiais massivos e/ou nanoscópicos magnéticos, cerâmicos e carbonosos.

  • Estuda métodos e princípios fundamentais relativos à espectroscopia, estrutura e interações atômicas e moleculares. Seus temas básicos são os envolvendo a estrutura eletrônica (átomos com um, dois elétrons, e muitos elétrons, modelo de Thomas Fermi, método de Hartree-Fock e o campo auto-consistente) e a estrutura molecular (separação de Born-Oppenheimer, rotação e vibração de moléculas diatômicas, moléculas poliatômicas, colisões, definição de seção de choque, aproximação de Born, colisões elétron-átomo e ion-átomo, perda de energia de ions na matéria). Realiza trabalhos envolvendo os métodos Hartre-Fock e Dirac-Fock melhorados (com desenvolvimento de bases Gaussianas), que são usados para cálculos não-relativísticos e relativísticos de propriedades de átomos e moléculas.

  • Desenvolvimento de cerâmicas avançadas tais como: supercondutoras, fotovoltáicas e magnéticas caracterizando-as através de experimentos magnéticos, óticos e em altas pressões. Estudos tensoriais sobre materiais ortotrópicos. Teoria de campos aplicada à supercondutividade, envolvendo quebra de Lorentz e os mecanismos de Higgs.

O PPGFis qualifica profissionais para o exercício da pesquisa em Física de nível internacional, contando com diversas colaborações no Brasil e no exterior, além de proporcionar formação adequada para futuros docentes em universidades. O Programa também contribui com a qualificação de recursos humanos para o desenvolvimento tecnológico e conta com convênios com empresas.

As linhas de pesquisa do Programa são:
i) Física Aplicada
ii) Física Atômica e Molecular,
iii) Física da Matéria Condensada,
iv) Física das Interações Fundamentais.

O programa tem sua sede em Vitória-ES, oferecendo o curso de Mestrado em Física desde 1992 e o curso de Doutorado em Física desde 2002 e mantém um perfil de qualificação acadêmica atestado pela CAPES, tendo recebido conceito 4 na última avaliação.

O programa já formou 103 mestres e 58 doutores e conta com 63 alunos regularmente matriculados, sendo 20 no mestrado e 43 no doutorado.

Transparência Pública
Acesso à informação
Reuni

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910